Para ajudar as organizações sem fins lucrativos e também os protetores independentes de animais a manterem os atendimentos realizados, a Prefeitura  de Londrina intermediou a doação de três toneladas de ração para a Associação Defensora dos Animais (ADA) e entregará mais seis toneladas à Organização da Sociedade Civil de Interesse Público SOS Vida Animal durante este mês.  Os R$ 70 mil investidos são do Fundo Municipal de Proteção aos Animais (FUPA), constituído por recursos advindos de multas pagas por quem maltrata animais e por emendas parlamentares.

A destinação dos recursos foi possível após instrução do Tribunal de Contas do Estado e aprovação pelos membros do Conselho Municipal de Proteção e Defesa aos Animais (COMUPDA). “As nove toneladas de ração foram divididas de forma igualitária entre o número de animais cuidados pela ADA e pelos protetores da SOS Vida Animal. Elas servirão para ajudar na manutenção dos cães durante esse período de quarentena, em que acreditamos que haverá uma diminuição de alimentos arrecadados pelas ONGs”, explicou a diretora de Bem-Estar Animal da SEMA.

Além dessa doação, a intenção da Prefeitura de Londrina é continuar auxiliando as entidades sem fins lucrativos durante o ano inteiro, com doações para cães e gatos filhotes e adultos. Seguindo a recomendação do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE/PR), a Prefeitura está autorizada a doar às entidades sem fins lucrativos, que cuidarão dos seus animais próprios, bem como utilizarão o cadastro dos voluntários independentes.

Como ajudar – o cidadão que quiser ajudar as entidades sem fins lucrativos pode entrar em contato com a ADA e com a SOS Vida Animal. Mais informações podem ser obtidas no site da SOS Vida Animal  e na página do Facebook da ADA. As entidades contam com as doações para manter funcionando seus serviços. Elas precisam de alimentos para os animais e têm despesas mensais com produtos de limpeza, contas de água e energia elétrica, pagamento de veterinários e medicamentos quando necessário. Aqueles que não puderem ajudar financeiramente, mas puderem adotar um animal também são bem-vindos.

Fonte: Assessoria PML / Foto: Pixabay

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui