A Prefeitura Municipal de Ibiporã informa que o Município seguirá o decreto nº 6.284/2020, do Governo do Paraná, que prevê o “toque de recolher” a partir desta quarta-feira (02). O texto proíbe a circulação de pessoas no período noturno, das 23 às 5 horas. O prazo de vigência é de 15 dias, prorrogáveis ou não. Apenas serviços essenciais, como saúde e segurança pública, ficam liberados da restrição.

O objetivo do Governo do Estado com este instrumento jurídico é ajudar a conter a alta disseminação do novo coronavírus, o qual teve um aumento significativo nos últimos dias.

“A Secretaria de Estado de Segurança Pública deverá, durante o período indicado, intensificar operações de fiscalização e orientação, a fim de coibir aglomerações, principalmente aquelas com consumo de bebidas alcoólicas, especialmente entre as 23 horas e 05 horas”, diz o texto do decreto.

A Prefeitura informa que não haverá alteração no horário de funcionamento dos bares, lanchonetes e botequins, que podem ficar abertos até as 23 horas. Conforme decretos anteriores, fica mantida a suspensão, por tempo indeterminado, das casas de shows, boates, tabacarias, salões de baile e similares.

Fiscalização – O Governo Municipal informa que a fiscalização do decreto será realizada pela Polícia Militar. A Prefeitura ressalta que além de cumprir a normativa estadual, os cidadãos e proprietários de estabelecimentos comerciais devem reforçar as medidas de higiene e segurança contra a Covid-19, já instituídas em decretos anteriores, tais como: distanciamento seguro entre as pessoas; obrigatoriedade do uso de máscaras para colaboradores e clientes; disponibilização de álcool em gel 70%; higienização constante das superfícies de toque e disponibilização de um funcionário para o controle de entrada e permanência de pessoas.

Denúncias de irregularidades podem ser feitas pelo 156, no portal da Prefeitura – www.ibipora.pr.gov.br.

Denúncia por não cumprimento do isolamento domiciliar por pessoas suspeitas ou diagnosticadas com a Covid-19, pelo Whatsapp (43) 991160122, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. Fonte: Caroline Vicentini/NCS/PMI – Foto ilustrativa: Ari Dias/AEN.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui