A Secretaria de Assistência Social segue com o serviço de fornecimento de cestas básicas para famílias em vulnerabilidade social e famílias que passaram a sofrer com a falta de alimentos em razão da pandemia. As cestas básicas são distribuídas nos Centros de Referência da Assistência Social Central e da Vila dos Funcionários, Calógeras e áreas rurais.

Os critérios para as famílias receberem o benefício seguem o estabelecido na Lei do Benefício Eventual e o atendimento especifico com os assistentes sociais que atuam nos CRAS e em Calógeras.

“Sabemos que estamos vivendo um momento delicado por consequência da Pandemia. Porém, nosso trabalho na politica de assistência social não para. Nossos profissionais estão a disposição para fazer visita domiciliar e conversar com as famílias, ver quais são as dificuldades que enfrentam, e dar os encaminhamentos necessários”, destaca a secretária de Assistência Social Osicléia Carneiro.

Osicléia destaca ainda a importância de ações solidárias por parte da sociedade civil que vêm ocorrendo nesse momento difícil pelo qual passamos. “É gratificante ver a o quão solidária é nossa população”, elogia. Fonte: Comunicação / Foto ilustrativa: Geraldo Bubniak/AEN.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui