A Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar) participa das ações do Governo do Estado nas fronteiras interestaduais para conter o avanço do coronavírus, conforme determina o Decreto nº 4230 de 16 de março. Servidores e estrutura física dos Postos de Fiscalização do Trânsito Agropecuário do Arco Norte, nas divisas com os estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, têm sido estratégicos para as ações dos órgãos públicos.

Nesses locais, equipes formadas por servidores da Polícia Rodoviária Estadual, Polícia Rodoviária Federal, Exército Brasileiro, Secretaria de Estado da Saúde e Adapar intensificaram o trabalho de fiscalização.

Os fiscais de Trânsito Agropecuário e assistentes de fiscalização da Defesa Agropecuária, além de garantir o apoio necessário para o combate à pandemia do coronavírus, mantêm a rotina de controle do trânsito de animais, vegetais e produtos de origem animal e vegetal. “Essas atividades são consideradas essenciais e não podem ser interrompidas”, explica o gerente de Trânsito Agropecuário Muriel Moreschi.

A Adapar enviou mais servidores para colaborar com os fiscais e assistentes que já atuam nos postos. “Nossos servidores conhecem bem essas regiões e podem ajudar com informações sobre volume de cargas, volume de tráfego, entre outras”, diz Moreschi.

O diretor-presidente da Adapar, Otamir Cesar Martins, destaca que neste momento o importante é salvar vidas. “Ficamos satisfeitos em saber que nossa estrutura pode e vai ajudar as ações governamentais num período de crise”.

Fonte: Aenpr / Foto: Marcelo Rossi

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui