Ocupando a 30ª colocação no ranking de exportações do Estado do Paraná, entre 399 municípios, as vendas por exportação de Jaguariaíva registraram um superávit de US$ 11,15 milhões de dólares no primeiro bimestre deste ano, ou seja, lucrou mais do que gastou.

Ao todo foram R$ 54,6 milhões em produtos vendidos para outros países e o produto que lidera a lista é a madeira perfilada com 89% das vendas para o exterior, seguida de madeira serrada ou endireitada com 6,6% e, por último, mas não menos importante, papel jornal representando 4,3% das exportações.

Em 2019, as exportações fecharam em US$ 95,3 milhões, aproximadamente R$ 393,6 milhões, já com a indústria madeireira liderando o mercado. Entre 5.570 municípios do Brasil, Jaguariaíva ocupa o 346º lugar em exportações.

Os países parceiros são Argentina, Paraguai, Uruguai, Equador, Guatemala, Canadá, Reino Unido, Holanda, Turquia, Marrocos, África do Sul, Indonésia, Japão e Estados Unidos, que liderou a lista, representando 88,6% das compras de produtos de Jaguariaíva no primeiro bimestre.

De acordo com os levantamentos do setor de Nota Fiscal de Produtor, que faz parte da Secretaria de Finanças, em 2018 apenas a indústria madeireira foi responsável por uma produção de R$ 44 milhões 495 mil e 275 reais, ocupando o segundo lugar no ranking de 79 produtos cultivados no município, ficando atrás apenas da soja com R$ 82 milhões 780 mil 387 reais.

Os números estão disponíveis no portal do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, através da busca por “Jaguariaíva” em “Municípios” no link .

Fonte: Assessoria / Foto: Pixabay

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui