A cerimônia de entrega foi realizada no auditório do Centro Tecnológico do Trabalhador de Ibiporã (CTTI)

O prefeito de Ibiporã, João Toledo Coloniezi, e o secretário de Saúde, Paulo Zapparoli, entregaram à equipe da Odontologia, o troféu e certificado recebidos no final de novembro, em Brasília, pela conquista do primeiro lugar no Prêmio Nacional CFO de Saúde Bucal na categoria populacional entre 20.001 e 50.000 habitantes, concedido pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO). São premiados municípios que mais investiram na implantação e efetivação de políticas públicas de saúde bucal, no último ano.

Ibiporã já havia ficado em primeiro lugar nessa categoria em 2015, e no ano passado faturou o primeiro lugar dentre as cidades do Paraná e a segunda colocação na categoria de municípios com até 50 mil habitantes. Além de troféu e certificado, os municípios primeiros colocados ganham uma cadeira odontológica, com mochos e equipo para acionamento e controle de seringas tríplice, micromotores e turbinas; suctor para coleta de dejetos através de cuspideira/sugadores e refletor odontológico. A entrega e instalação individual das cadeiras odontológicas estão previstas para acontecer no 1º semestre de 2020.

Durante a solenidade em Brasília, o prefeito João Coloniezi enfatizou que mesmo em meio a todas as dificuldades que os municípios enfrentam Ibiporã ainda consegue inovar e oferecer à população o melhor possível em saúde. A cadeira recebida na primeira vez está sendo utilizada no recém-inaugurado Pronto Atendimento Odontológico (PSO), instalado dentro da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24h. O PSO é um projeto piloto, que funciona de segunda a sexta-feira, das 17 às 21, para atender os casos classificados como de urgência e emergência, como para o alívio da dor, por exemplo. “Com o PSO passamos a olhar para aqueles indivíduos que normalmente não podem procurar atendimento nos horários padrões, mas que sofrem com uma dor de dente, por exemplo. A maioria das UPAs não dispõe desse tipo de serviço, mas Ibiporã é diferenciada. Mesmo em meio a toda dificuldade que enfrentamos na Saúde nacional, o município continua colocando serviços novos à disposição da população”, salientou o prefeito.

Representando a presidência do Conselho Regional de Odontologia (CRO), o secretário Claudenir Rossato parabenizou a todos por aquilo que ele chamou de conquista. “Vocês não ganharam esse prêmio! Vocês o conquistaram. Comemorem mesmo, porque esse é um feito muito grande. Quem ganha com o resultado de tudo isso é a população e isso é extremamente relevante. Continuem dando o melhor de si como já vem fazendo todos os anos. Parabéns!”, finalizou.

Nesta 11ª edição do Prêmio, foram cinco municípios vencedores na categoria até 20 mil habitantes, uma por macrorregião – Centro-Oeste, Nordeste, Norte, Sudeste, Sul – e quatro municípios vencedores nas categorias populacionais – entre 20.001 e 50.000 habitantes, entre 50.001 e 100.000 habitantes, entre 100.001 e 500.000 habitantes e acima de 500.000 habitantes. Em caráter inédito, a edição 2019 também registrou um número recorde de inscritos, três vezes mais do que a média anual.

Além de Ibiporã, outras duas cidades paranaenses obtiveram a primeira colocação em 2019 – Figueira, na categoria de municípios com até 20 mil habitantes -, e Curitiba, na categoria acima de 500.000 habitantes.

As escolhas das melhores cidades obedeceram aos critérios técnicos avaliados pela Comissão de Políticas Públicas de Saúde do CFO. Os membros da comissão analisaram informações e documentos comprobatórios das prefeituras dos municípios inscritos que se destacam no atendimento odontológico, enquadrados em requisitos como, por exemplo: manter o maior número de equipes de saúde bucal no Programa Saúde da Família (PSF), possuir Centros de Especialidades Odontológicas e menor índice epidemiológico em crianças com idade escolar.

Segundo a coordenadora de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde, Ana Paola Fernandes, o posicionamento de Ibiporã entre os municípios brasileiros com melhor atendimento odontológico é devido aos investimentos realizados pela Administração Municipal, no que concerne à estrutura e ao aperfeiçoamento profissional na área de odontologia. “A estrutura na qual são oferecidos os serviços odontológicos aos munícipes, como também a capacitação constante dos profissionais atuantes na área, a fim de cumprir nosso compromisso de manter um atendimento de qualidade, são fatores responsáveis por esse mérito. Tanto a gestão como a equipe têm uma visão diferenciada sobre a saúde bucal. Aqui em Ibiporã é tradição. O dentista vai além das paredes do consultório”, destacou Ana Paola.

O evento desta quarta-feira também contou com a presença de representantes de municípios vizinhos como Sertanópolis, Jataizinho, Alvorada do Sul, Primeiro de Maio, uma vez que o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) de Ibiporã abrange essas cidades, que indiretamente corroboram para a conquista do prêmio.

Fonte: Núcleo de Comunicação Social/PMI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui