O prefeito Júnior da Femac acompanhou nesta última quarta-feira (29/04) as obras de construção do Espaço das Feiras. O novo equipamento público vai abrigar as principais feiras existentes na cidade, com destaque às do produtor rural e do artesanato, que hoje funcionam no Terminal Urbano de Transporte Coletivo Sílvio Stocco. O investimento é de R$ 1.616.670,59, com recursos próprios do município, sendo que R$ 1.250.000,00 são de recursos de devolução do Legislativo Municipal.

Iniciados em janeiro em área anexa ao Cemitério Municipal da Saudade e da Capela Nossa Senhora da Esperança, na Rua Talita Bresolin, os serviços estão dentro do cronograma mesmo após pausa por alguns dias devido ao novo coronavírus (Covid-19). “A empreiteira contratada por licitação já ergueu toda a parte estrutural do pavilhão e dos banheiros, faltando apenas alguns detalhes relacionados à parte arquitetônica e cobertura e, em breve, a obra entra na fase de acabamento. Fiquei muito satisfeito com o que verifiquei. Nossos feirantes merecem um local como este. Um projeto moderno, pensado com muito carinho pela gestão Beto Preto e que certamente também será um novo ponto de encontro da população apucaranense e de visitantes de toda a região”, diz o prefeito Júnior da Femac.

Uma iniciativa da prefeitura, através do Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento Apucarana (Idepplan), o Espaço das Feiras consiste em um grande pavilhão coberto, com área de 1.400 metros quadrados, medindo 100 metros de comprimento por 13 metros de largura. Além de 30 pontos gastronômicos fixos, o projeto contempla espaço livre com capacidade para abrigar mais 80 feirantes.

“Estamos em contato permanente com a empreiteira e até o momento tudo está correndo muito bem, dentro do que prevê o contrato. Os trabalhadores tiveram que ficar uns dias parados em prevenção ao Covid-19, contudo, estamos verificando um empenho muito grande de todos na retomada dos trabalhos e acreditamos que tudo seja concluído dentro do prazo”, diz Anellize Alves dos Santos Campana, arquiteta do Idepplan responsável pelo projeto. Ela lembra que o espaço, quando pronto, atenderá critérios de acessibilidade, contando também com área de carga e descarga, sanitários, fraldário e deck externo. “Os sistemas de energia elétrica e iluminação também foram projetados de forma a atender as necessidades de feirantes e público”, conclui a arquiteta.

Além da parte projetada para gastronomia e para feira, no novo espaço vai acontecer, uma vez por semana, a Feira da Roupa. “Apucarana produz 25,2% de toda roupa confeccionada no Paraná e vamos garantir um local de comercialização para este importante setor da nossa indústria”, complementa o prefeito Júnior da Femac. A empreiteira responsável pela obra é a Construtora Vitorino, de Apucarana.

Fonte: Assessoria / Foto: Divulgação PMA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui